A Viajante do Tempo

domingo, 9 de maio de 2010


Esse livro é maravilhoso! Eu não poderia começar o post de hoje de outra forma sem ser elogiando Diana Gabaldon e sua narrativa esplêndida. Eu e a "Viajante do Tempo" temos uma história longa e conflituosa de idas e vindas, mas finalmente, nos encontramos. Em 2006, eu perdi esse livro, que pertencia a bilioteca do SESC. Tive que pagar, é claro. Depois disso, diversas vezes fui comprá-lo, mas nunca o encontrava, até esse ano. Paguei caro, mas paguei sorrindo e pagaria de novo. Esse livro é mega ultra super maximamente sensacional. Sentiram como ele excelente? kkkkkkkk... Vamos a resenha!

Claire Beauchamp viaja para a Escócia com seu marido Frank Randall para se reaproximarem, após um longo tempo separados pela segunda guerra, onde ambos foram convocados para trabalhar nos campos de batalha. Em um cenário exótico e místico ambos tentam dobrar o tempo que lhes resta para explorar o local antes de voltarem para casa - ou diria, sua primeira casa - em Oxford. Apesar de todos os esforços de manterem-se fiel um ao outro nos anos separados após reencontram-se, eles sentem um grande distanciamento, que tentam de todas as formas romper.

Frank Randall é obcecado pela história de seus ancestrais e encontra na pequena cidade documentos que remontam a vida de um dos seus antepassados, Jonathan Randall, um capitão inglês temido em sua época por sua pervesidade. Em uma das explorações a cidade, Frank convence Claire a assistir a um ritual celta, mantido pelas tradicionais matronas do lugar. Porém, no dia seguinte, Claire volta ao lugar para recolher ervas para sua coleção, quando inevitavelmente é levada para o passado - em 1847 - quase duzentos anos antes, num passado hostil e precário, ela encontrará o verdadeiro destino e o amor de sua vida.

Assim que Claire atravessa o portal desconhecido, ela sente que há algo errado, pois barulho de armas e guerra logo é percebido por ela, desconcertando-a profundamente. Assustada ela se afasta da confusão, quando é interceptada pelo seu 'futuro', sim, logo que chega ela conhece Jonathan Randall, o antepassado de seu marido, cópia fiel de seu futuro descendente. Porém, logo após, é sequestrada por Murtagh, um escocês atarracado, que a leva direto para Dougal Mackenzie, um poderoso líder de guerra, irmão de Colum, chefe do Clã Mackenzie. Lá ela conhece Jamie Frasier, um soldado ferido, que precisará de todos os seus cuidados para não morrer.

Considerada como uma desconhecida e excêntrica em suas roupas modernas, Dougal pensa que ela é uma espiã inglesa ou francesa, em suas roupas de baixo. Percebendo a confusão, Claire logo inventa uma história sobre sua vida, não revelando é claro que reside num futuro muito distante, pois seria considerado louca ou que seria pior, uma bruxa. A intenção de Dougal é mantê-la por perto até descobrir de onde ela vem e assim tomar uma decisão sobre o que fazer com ela.

Sendo mantida vigilantemente perto do soldado ferido, ela inicia uma amizade com esse misterioso rapaz, que lhe inspira tanta confiança. Após muitas reviravoltas, ambos são obrigados a unir-se em um casamento arranjado, mas que mostrará pelas forças do amor, que de arranjado não teve nada e que simplesmente, o destino os reuniram.


Não há uma parte ruim nesse livro. Quando você pensa que a autora não tem mais nada para inventar, ela aparece com mais aventuras e conflitos para Jamie e Claire vencerem. Uma coisa que gostei muito, é como Gabaldon constrói aos poucos o amor do casal. Não é uma coisa repentina, e sim, uma construção baseada no mais puro e completo amor. A tensão sexual entre os dois extrapola tudo o que pode existir, Ual, é coisa de tirar o fôlego. Jamie é completamente insaciável e Claire tenta satisfazê-lo ao máximo possível, e ele, por sua vez, a ela.

" - Quando a seguro com duas mãos e a sinto tremer assim, esperando que eu a possua... Meu Deus, quero lhe dar prazer até você gritar sob mim e abrir-se para mim. E quando tiro de você meu próprio prazer, sinto como se tivesse lhe dado minha alma junto com meu corpo."  (pag. 288) 

Porém, esse livro está longe de ser um romance vulgar, pelo contrário, há sim uma tensão sexual, porém é mais para ilustrar a intensidade do relacionamento, a necessidade que um tem do corpo do outro, tanto para satisfazer-se quanto para consolar-se, como para se amarem também.

A construção da personalidade forte e viril de Jamie é montada de forma esplêndida, ele é um homem que não permite ser dominado, mas ao mesmo tempo é sensível e apaixonado. O mesmo acontece com Claire, ao longo do livro seu amadurecimento diante das adversidades é nítido. Uma mulher moderna vivendo uma vida errante e sem conforto, quase impossível, mas que nas mãos de Diana torna-se 'realidade'. Ela não omite detalhes da vida na estrada, no castelo Mackenzie, nem muito menos nas masmorras da prisão inglesa. É tudo muito realista e ao mesmo tempo fascinante. A história tem vida! E é por isso, que tornou-se o melhor livro que já li na minha vida.

Não posso deixar de dizer que odiei Jonathan Randall. O cara é o pior vilão que eu já li. É sério! O homem não tem uma partezinha de sua alma boa. No final do livro, houve um momento que chorei de ódio dele. Não falarei mais para não dar spoiler, mas esse homem é perverso.
Devo dizer ainda que encontrei minha alma gêmea literária em Jamie Frasier. Aff! Esse homem é perfeito. Ele me fez suspirar inúmeras vezes. rsrsrs!!!

Enfim, é um livro RECOMENDADO com toda certeza. É caro? É sim, mas vale a pena.

Esse livro faz parte da Série Outlander, composta por:

- A viajante do tempo
- A libélula no âmbar
- O resgate no mar, vol. 1
- O resgate no mar, vol.2
- Tambores de Outono, vol. 1
- Tambores de Outono, vol.2
- A cruz de fogo, vol. 1
- A cruz de fogo, vol.2

Minha classificação para esse livro é de ♥ 7/7 - Obra-Prima.

23 comentários:

αηδψϊηћα ஐβϊττψஐ disse...

Nem preciso dizer que essa serie é tudo!!! Espero ansiosa o livro 6.. E ja juntando $$ é a unica coisa triste dessa serie... o preço é salgado!!!

Bjos =)

Dani Rodrigues disse...

Parece o tipo de livro que qdo termina, ficamos com depressão...rs
Agora estou curiosa qto ao preço - é tão caro assim??? Vou pesquisar na net... bj

Fernanda disse...

Quase todo mundo elogia esse livro, mas já li algumas críticas.. sei lá. Ainda não me animei a ler, ainda mais pq, como vc disse, é um livro caro..

mas qm sabe um dia? ;)

Bjoo!

La Sorcière disse...

Esse faz parte da minha wish list há séculos... mas ainda não tive coragem de enfiar a mão no bolso...
Mas merece, né?

_~Ty~_ disse...

Oii.. Ta tendo promo no meu blog em parceria com a Loja do Altivo, estamos sorteando Alice em edição comentada. Participa la: http://livromaniaca.blogspot.com/2010/05/loja-do-altivo-livromaniaca-sorteiam.html

ALINE disse...

Não conhecia esse livro, mas depois de ler sua resenha fiquei bastante interessada em lê-lo! Parece ser muito bom, bem construído.

Bjo!

Aline - escrevendoloucamente.blogspot.com

viajenaleitura.com.br disse...

Olá amiga,até agora quem leu diz que é m´pagico o livro,espero ainda ler ele,beijos;**

Lu disse...

aiiiiiiii.
já ouvi comentários maravilhosos sobre esse livro.
Amei a resenha.
Quero esse livro. ^^

Kézia Lôbo disse...

Ooo cada um tem uma opiniao sobre esse livro, mas parece ser interessante!

ká guimaraes disse...

oi tem selinho pra vc no meu blog

http://acordeicomvontadedeler.blogspot.com/

Nanda disse...

Esse livro é mega ultra super maximamente sensacional. Sentiram como ele excelente?

tudoooo isso??? o céus!!! eu quero rsrs

Adorei a resenha, eu ja quase comprei ele várias vezes mas sempre ta caro e deixo para depios :P

bjoo

Laura Ribeiro disse...

Adorei a recomendação, de verdade! Fiquei muito interessada em ler este livro e conhecer um pouquinho mais da série.

Já tem um tempo que procuro livros com vilões assim, que nos façam chorar de ódio :)

Daiane Santo disse...

Oi,Dominique! Adorei sua resenha. Todo mundo tá falando desse livro e até hoje não comprei.Tô com um monte pra lê antes e vou me forçar a não comprar mais por agora. Você apresentou bem a história, os personagens e a forte conexão corporal e espiritual que há entre eles.

Vi umas frases do livro que me recordaram romances de banca de revista, mas depois da sua resenha fica nítido que o livro é bem mais elaborado e complexo.

Valeu!

Cibele disse...

Nunca tinha ouvido falar desse, mas fiquei bem curiosa depois da sua resenha.

Beijos ;*

Iris disse...

Parece ser mto bom. Mas não sei se eu gostaria, sei lá O_O Ainda tenho receios! Ótima resenha.

Karlinha disse...

Adorei sua resenha flor!

sabrina disse...

Ei nick!!
MUitosssssss falam sobre a PERFEIÇÃO desse livro, e a narrativa impar da diana Gabaldon... Achoque taambém tenho uma relaçã ode encontrose desencontros com ele, pois Váriassssssss vezes fiz planos emais lplanos para adquirir meu exemplar, mas sempre me frustrei!!
Resenhas como asua me dão até urtucária, de tanta vontade de ter o meu!! ^_^

PArabéns, querida!!
óóóóóótimaaaaaaaaaaa resenha!

bjus no ♥

Lucimara disse...

Olá, compartilho com você a paixão por este livro. E o Jamie com certeza é um cavalheiro maravilhoso! rs...

Atualmente estou lendo a Cruz de Fogo, e tenho que dizer que Diana Gabaldon continua arrasando!

carla disse...

Meninas eu tenho esse livro em ebook se quiserem eu posso enviar é demais
Alias tenho acredito que o 2 e 3 em ebook tb
Beijao
Carla

Dani Rodrigues disse...

Oi Carla, seu puder, envie para meu e-mai: danielle-rodrigues@oi.com.br
Obrigada!!

Isabel disse...

Oi Carla!!
Vc salvaria minha vida se me mandasse tbm!!! bel_michelucci@hotmail.com
Mt obrigada
bjus

Daiene disse...

Sou DOENTE nessa série!!!!!
Li o primeiro qndo tinha 13 anos (há 4 anos), e são, sem sombra d dúvidas meus preferidos!.Indico pra todo mundo!

Carol Kotowiski disse...

Já estava há bastante tempo querendo ler esse livro, e o fiz nas últimas semanas. Amei, óbvio! Agora não sei mais qual é o meu casal literário favorito, Sr. Darcy e Lizzy Bennet (Orgulho e Preconceito) ou Jamie e Claire.
Sua resenha ficou ótima!

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela