A Passagem - Justin Cronin

domingo, 24 de outubro de 2010


Homens condenados a morte são utilizados como cobaias para uma experiência militar secreta, porém o que era para ser considerado um sucesso, foi um desastre. O vírus que lhes causou a mutação trouxe-lhes em parte benefícios, os condenados foram curados de suas doenças, porém ao invés de criar soldados indestrutíveis como era o plano, os militares deram origem a seres monstruosos e cruéis sedentos por sangue. Apesar de indestrutíveis e assassinos em sua natureza, esses seres são sensíveis a luz.

Os mutantes são vigiados constantemente, mas o que parecia impossível, acontece, eles fogem da base militar e por onde passam deixam um rastro de sangue e morte. Para piorar a situação, os poucos seres humanos que sobrevivem são imediatamente contaminados, tornando-se assim, vampiros.

Com um exército de vampiros invadindo cidades e matando tudo e a todos, é necessário proteger os últimos sobreviventes da terrível calamidade. Para isso, é criado camboios preenchidos por crianças, que são levados para uma colônia protegida 24h por dia, por intensa iluminação mantida por baterias. Os moradores do lugar não podem sair além dos muros protegidos da colônia, pois lá fora mora o perigo, seus predadores. 
Esse livro é simplementes fenomenal. O autor Justin Cronin consegue manter o suspense em cada folha, sem jamais cansar o leitor durante a narrativa. A história é dividida em dois momentos diferentes: antes do vírus e após o vírus. É incrível perceber como Justin foi detalhista na criação dos personagens, ele construiu a personalidade de cada um com muito cuidado e esmero. A personagem que mais chamou-me atenção, é claro, foi a pequena Amy, com sua trajetória.

Uma das coisas que mais chamou-me atenção é a forma como foi distribuída as tarefas na colônia, onde cada morador tem sua função, sem jamais haver conflitos de posições sociais, pois cada um sabe a importância de seu trabalho para a sobrevivência e manutenção do núcleo. 

Devo dizer que esse livro lembrou-me bastante um dos melhores filmes que já assisti com Will Smith, "Eu sou a lenda". A criação de uma colônia para sobreviventes, a existência de um ser humano que carrega o antídoto capaz de curar a todos, o fato de a epidemia ter sido causado por experiências científicas, de os seres mutantes serem sensíveis a luz... enfim, modifica-se um pouco os ingredientes, mas não a essência. Creio que quem assistiu ou leu "Eu sou a lenda", criou a mesma analogia e não se confundiu. Claro que com essa comparação, eu não quero tirar o mérito de Justin Cronin, até porque esse livro é sensacional e uma viagem em cada página, mas torno a dizer, que é impossível não traçar um paralelo entre as obras.

Agora vou confessar uma coisa a vocês. Livros de suspense, com um quê de terror, fazem-me ter pesadelos loucos. Sim, é sério! Um dos livros que mais rondou meus sonhos foi o "A estrada", resenhado aqui no blog anteriormente. E com "A Passagem" não foi diferente. O clima de suspense e de medo invadem o leitor de tal forma, que é impossível desvencilhar-se da sensação que a narrativa provoca. Acredito que esses livros que mexem com nossa cabeça são os melhores, certo? Eu confirmo: esse livro é sensacional e indico, com certeza.

Minha classificação para esse livro é de ♥ 6/7- Excelente.


A Passagem é um lançamento da Editora Sextante.

17 comentários:

Daniela Tiemi disse...

Sim, eu tb me lembrei do filme "Eu sou a lenda" qdo li este livro que eu adoreiii!!! Tb sonhei algumas noites com a história, pois alguns climas são tensos e conseguia deixar de pensar no livro.
Bjo.

Izabella disse...

Gosto de livros assim, o filme A Lenda,foi maravilhoso e é um daqueles filmes que marcam! O que mais me chamou atenção na resenha, é quando você cita a questão de distribuição de tarefas, onde não são gerados nenhum tipo de conflito em relação a isso! Achei interessante, deve valer a pena ler e pela nota que você deu, deve mesmo! rs

Beijinhos

Juh Oliveto disse...

Confesso que não li a resenha toda porque eu ainda não li o livro e quero guardar algumas surpresas. Mas também pensei em Eu Sou a Lenda quando o livro foi lançado :X

Quero MUITO ler LOGO!
Uma pena que as continuações vão demorar :\

Beijocas!
Juh Oliveto
Livros & Bolinhos ~

KaahCullen_ disse...

Adoorei a resenha
a historia parece ser incrivel
parece mt com o filme Eu sou a lenda, ou resident evil , kkk, quero muiito ler, apesar dele ser giigante
bjokas

Ana Elisa disse...

Nossa, a história desse livro parece ser muito legal e bem diferente, né? Mas essa parte que você falou de ter tido pesadelos é péssima, sou muito medrosa.
E o livro é gigante, né? Eu vi em algumas fotos por aí

La Sorcière disse...

Oi querida!!
Para mim, foi um dos melhores livros de 2010!
Bj

A. Déborah disse...

Eu to louca pra ler esse livro, mas por causa das continuações estou atrasando isso ao máximo.

Nanda disse...

Ei Nique,

Já era para eu ter lido mas acabei passando vários na frente rsrs, estou curiosa demais com este livro pq só vejo ótimo comentários sobre ele.

bjooo

Cláudia Charão disse...

Oi!!!

Estou super curiosa para ler esse, parece excelente, ainda não tenho, mas com certeza vou comprar.

Ótima resenha!!

Bjuss

Lelii disse...

Ainda não li esse, e para falar a verdade, tenho tantos livros sobre vampiros para ler, por mais que o enredo seja distinto, que acho que vou deixar esse em banho maria!

Estou ficando loouca com tantos vampiros, anjos e coisas sobrenaturais. haha

E sobre os pesadelos, eu também tenho algo similar, mas só quando vejo filmes. A imagem fica mais viva na minha memória, do que quando eu só imagino.

Vamos ver se eu não mudo de ideia sobre o livro!

http://palavrasdestorcidas.blogspot.com

Lu disse...

ei Nique, eu gosto muito de livros com suspense e a passagem já está na minha listinha.
O livro parece ser muito bom. =)
quero ler. ^^
beijos

Italo _correa disse...

Legal,parece também Resident Evil, já vi Eu sou a Lenda mas não sabia que tinha livro.
Esse livro parece ser bom,estória de infectados e tals. Vi ele numa Feira do Livro,é muito grande,mais de trocentas páginas rsrsrs, mas quando é bom vale a pena certo?!
Só uma pergunta: é mais suspense ou é mais terror? rsrs
Bjo

Raquel disse...

Oi, Sou nova por aqui e adorei tudo por aqui já to linkando e seguindo sabe que eu li a resenha desse livro já em outro site e a primeira coisa que me passou pela cabeça foi Resident Evil realmente esses livros de terror/suspense mexem com a gente não chego a ter pesadelos mas quando o livro e forte demais realmente me marca...kkkk...adorei sua resenha vou colocar esse livro na minha lista de adquirir acho que vou gostar já que gostei de A Lenda como tu comentou e de Resident outro filme que me lembrou foi aquele do Stephen King Dança da Morte não sei se tu já viu mas também tem um tema parecido...vixi...falei demais. Bom se quiser me visitar ficarei feliz. http://leiturakriativa.blogspot.com
Bjks

Hérida Ruyz disse...

Oi Nique!
Eu adorei A Passagem! O livro é extenso, mas vale cada página.
Bjs

Anônimo disse...

Muito bom o livro...Acabei de ler agora e recomendo...
Ele é grande, mas eh como se fossem varios livros em um só....os anos se passam, momentos se passam...é um livro para se ler aos pouquinhos, entrando no clima......pena que as continuaçoes nao foram publicadas ainda

José Antônio (Jam) disse...

Esta em minha estante há cinco meses. Toda vez que que pretendo ler, acabo escolhendo um outro livro (rs). Qum sabe após a sua resenha eu crie coragem e encare a leitura. Mas juro que não é medo, apenas "mudança de opção" de última hora (rs).
Parabés pelo blog!
Abcs!

Bea Alcantara disse...

Li e recomendo, não se deixem intimidar pelo tamanhão do livro rsrsrs, é muito muito bom, um dos melhores que já li, com certeza.

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela