"Diários do Vampiro - Anoitecer" de L.J. Smith

terça-feira, 22 de março de 2011


Diários do Vampiro: Anoitecer é o melhor livro da série até agora.

No livro um, Despertar,há a devida introdução dos personagens, Elena se apaixona perdidamente por Stefan, o vampiro e entra em cena Damon, o irmão vampiro – e diga-se de passagem é importante dizer que Damon e Elena se encontram primeiro. No livro dois, Confronto, basicamente temos a história gerando em torno da perda do diário de Elena e nas conseqüências que a revelação do conteúdo pode trazer, já que ela – como toda adolescente – escreve ali TUDO que acontece na sua vida, inclusive o fato de seu namorado ser um vampiro e sua melhor amiga ser uma bruxa. Na sequência temos a Fúria e a introdução de Katherine, a ex-namorada-vampira dos irmãos Salvatore que chega pra infernizar a vida do trio, resultando por fim na sua morte e na de Elena. No último livro da saga, Reunião Sombria, a história é quase toda contada por Bonnie, a amiga-bruxa, que junto com os outros tentam livrar a cidade de Fell’s Church do mal iminente e superar a morte da amiga – que por sua vez ressuscita no final.

Os quatro livros acima fecham o primeiro bloco da saga, mas então temos a continuação com Anoitecer e todos os outros títulos que vêm em sequência.

~ ~ ♥ ~ ~


O quinto livro começa com Elena voltando dos mortos. Ela volta do além com poderes humanos, o que faz seu sangue pulsar com uma força esmagadora e única, sendo irresistível para todos os vampiros. Stefan está convencido em manter Elena segura e pretende deixar Fell’s Church. Damon, porém, é impulsionado por um desejo insaciável de poder, e quer à Elena como sua princesa. Quando Stefan é afastado de Fell’s Church, Damon tenta convencer Elena de que ele é o irmão que ela deveria ter escolhido, mas a escuridão está infiltrada na cidade e Damon, que sempre foi o caçador, está sendo a caça. Ele é a presa de uma criatura maléfica que pode possuí-lo à vontade, e que deseja não somente o sangue de Elena, como também sua morte. 

~ ~ ♥ ~ ~

Honestamente, é o livro mais divertido da saga. A começo de conversa passamos quase todo o tempo acompanhando Damon – que é o personagem mais legal por unanimidade entre os fãs. As cenas dele em conflito mental com relação ao irmão são muito interessantes – inclusive para ele mesmo – e há os momentos engraçados, como quando ele fica tentando fazer trocadilhos com o nome do Matt. Tenho certeza de que L.J.Smith se divertiu escrevendo esse livro, pois lá pelas tantas ela até chama Elena de “balão flutuante de festas” (porque ela é um anjo, então fica flutuando o tempo todo).

Já ouvi muitas críticas sobre essa série, mas ao ler este livro entendi que eu – e todos os leitores – estávamos lendo tudo errado. A série foi escrita no começo dos anos 90 (ou seja, vinte anos atrás!) e todo mundo estava lendo com os olhos de hoje, influenciado pelo romantismo e a “seriedade” das outras tramas vampirescas. Bom, acontece que se você ler com “olhos dos anos 90” você se diverte muito mais, pois relembra que naquela época as pessoas tinham SIM medo de espíritos e criaturas das trevas, não é como hoje, que os seriados colocam um zumbi e um humano morando na mesma casa. Naquela época todo mundo queria ter um namorado malvadão de jaqueta de couro como o Damon, e não um romântico como Stefan. Todo mundo queria ser loiro e angelical como Elena. Todo mundo fazia a brincadeira do copo e morria de medo quando invocava os espíritos (acontece isso no livro três). Então se você voltar atrás e tiver tudo isso em mente, garanto que a leitura se torna muito mais coerente e divertida e facilmente você entrará no misterioso mundo de L.J. Smith em Fell’s Church.

Fazia dez anos que eu não me apaixonava por um vampiro, a última vez foi por Lestat de Liouncourt em “O Vampiro Lestat”. Hoje, aos vinte seis anos, confesso que sou apaixonada pelo Damon Salvatore e esse livro só fez agravar minha paixão por ele, pois descobrimos que no fundo no fundo, ele consegue ser ainda mais cruel e perverso. E essa é a essência dos vampiros.

No fim, fica a dica: esqueçam os outros livros da série e permitam-se se divertir com esse Anoitecer de coração aberto, porque é um livro divertido.

E um recadinho para Damon Salvatore: esqueça a Elena e vem ser Príncipe das Trevas comigo!!! =)

Créditos: O wallpaper foi retirado do site Diários do Vampiro Club.

Minha classificação para esse livro é de ♥ 4/7- "Bom".

Por Janda Montenegro

14 comentários:

Leituras e Fofuras disse...

Não pude ler a resenha porque ainda não li nenhum dos livros dessa série!!!
Eu quero começar a ler, mas ainda não comprei o box e tenho muitos livros na fila!
Eu amooooooo a série então acho que os livros devem ser bons tb apesar de já saber que há muitas diferenças entre os dois!

Bjs.
The Lost Girl
Leituras&Fofuras

Alineglb disse...

Estou loucapra ler o quinto livro da série. Na resenha já dá pra saber oque vem por ai, deve ser mesmo muito bom. Concordo que havia tempos em que um vampiro como Lestat não aparecia,cruel e sedutor...Amo Damon.

Laura Elias disse...

Dominique, tudo bem? Por favor, entre em conto, preciso falar contigo sobre uma indicação que fiz do seu blog

Beijo!!!!

contato@lauraelias.com.br

anaisa disse...

Adoro essa série e ainda tenho esperanças que no final o Damon e a Elena fiquem juntos *-*
Mesmo depois da noticia sobre a LJ!

Bjus.

Evelyn Chen disse...

Eu li essa série e amei, mas ao contrário do vc, eu me apaixono muito fácil pelos livros de vampiros. Ai Damon!!! kkk

sabrina disse...

Oi Nickinha!
Nuss, amei sua resenha!
Estou lendo esse livro, mas estagnei no capítulo 3 e peguei outros "mais urgentes" hehehe
Mas é bom saber que vocÊ gostou desse livro, e mesmo sem tlê-lo naíntegra, concordo com suas colocações com relação aos primeiros livros da série: devem ser situados na época em que foram escritos. Assim como nesse livro novo, mesmo lenmdo pouco, já percebi a grande diferença na escrita da autora, muito mais madura, e contemporânea.

Amei a resenha, linda como semre. Deu um UP no meu desejo de ler o meu exemplar que está meio largadinho aqui em casa!!
bjusssss pra vc e pra sua bebê...

sra. maia disse...

ola! também postei algumas resenhas da série. mas anoitecer é o melhor livro da série

Camila disse...

Eu Amoo essa série

Virginia de Oliveira disse...

Eu gostei bastante desses livros, li eles antes mesmo de assistir a série de tv e gostei muito. Li muitas críticas negativas sobre os livros e não entendi o porque, os livro são muito bons e a leitura é bem rápida. Já li até Anoitecer e tenho Almas Sombrias e quero lê-lo muito em breve.

Karensilva Prado disse...

vou ser sincera, não gostei muito desse livro da saga.

Paula Nindë disse...

Eu, por outro lado, achei o livro muito chato, a narrativa da L. J., como sempre, me pareceu fraca e sem substância. Este, inclusive, achei o pior deles. Li muito antes de assistir à série, estou realmente acostumada a vampiros como o "Drácula" clássico de Bram Stoker e os da Anne Rice, que são realmente mais maduros e sérios, esses vampiros adolescentes não fazem muito efeito na minha vida literária, apesar de já ter lido outros do gênero.
E "Almas Sombrias" consegue ter um começo ainda mais horrível, com uma narrativa desnecessariamente repetitiva.
Só insisto em ler porque quero saber o final dos personagens pelo meio "oficial", a literatura, uma vez que a série (essa sim, bem interessante) modificou quase tudo.

Alexi Mello disse...

eu tambem sou apaixonada pelo damon e n intendo os comentarios negativos eu gosto muito dos livros da L.J

Neuma West disse...

Eu simplesmente amo a série diários do vampiro, já lí todos os livros e também já assistí todos os episódios do seriado. Eu simplesmente sou apaixonada, e pra quem não leu ainda nenhum dos livros, estou disponibilizando no meu blog.

Neuma West disse...

www.neuminhawest.blogspot.com

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela