[Cinema] Harry Potter e As Relíquias da Morte - Parte 2

domingo, 17 de julho de 2011


Dumbledore: "After all this time?"
Snape: "Always".


Todo fim é doloroso. E nada dura para sempre.
É com muito pesar que os fãs dizem adeus a série Harry Potter que por toda uma década preencheu de magia e emoção a vida de milhares e milhares de pessoas.

Em todo o momento, seja em blogs ou redes sociais - como orkut, facebook e twitter - vejo postagens e mensagens de despedidas dos fãs, textos tão emocionantes, cheios de paixão e melancolia. Agora é minha vez.

Dificilmente, eu faria uma crítica imparcial ao filme "Harry Potter e As Relíquias da Morte - Parte 2", mesmo que eu quisesse, e a verdade é que eu não quero. E nem vou ficar comparando o livro ao filme. Todos já sabem que não é mesma coisa. E ponto.
Toda a minha opinião aqui é de uma fã apaixonada pela série e que está com o coração partido em mil pedaços pelo seu fim...


Parece um desafio imenso escrever. Mal sei como começar. Acho que posso começar pelos APLAUSOS. Não me recordo de assistir a um filme em que ao fim da sessão é APLAUDIDO e MERECIDAMENTE!
A série terminou com chave de ouro. É extremamente emocionante do início ao fim. Já ao início tem seu ritmo acelerado, cheio de aventuras. Sim, eu já li o livro e já sabia o que ia acontecer, mas ainda assim pude sentir aquela ansiedade em cada cena de ação, aquele frio na barriga pelo destino de cada personagem. Ah, e claro, as lágrimas. Muitas e muitas lágrimas. Lágrimas que surgem não só pela emoção do filme, mas por se tratar de ser este o último. "Não, não é possível que chegou ao fim", era o que eu pensava nos últimos minutos.

Ah, e o Severo Snape. Não posso deixar de comentar sobre o Snape. Um dos personagens mais complexos desta última trama - e um dos meus favoritos - me tirou o fôlego com apenas uma palavra: "Always" (a do quote acima)! O ator dramatizou de forma incrível aquele momento tão, tão importante do enredo. Aliás, as atuações se superaram neste filme. Mesmo Daniel Radcliffe, cuja atuação eu não admiro muito - confesso -, foi incrível e soube transpassar comoção.

Para quem não leu os livros e só acompanha os filmes, será pego de surpresa inúmeras vezes. Tanto pelas reviravoltas na trama como também pelos próprios personagens. Senti orgulho de muito deles, como Neville que terminou como herói. Aliás, este é um ponto em que mais admiro na série: desde o primeiro filme (ou livro) não é somente Harry Potter o herói, afinal o que seria dele sem seus amigos tão fiéis?! Nenhuma vitória se conquista sozinho, e esta é uma lição para vida.

E, devo acrescentar, a trilha sonora que passou a emoção certa durante toda batalha! 

Deu para perceber que a palavra-chave para descrever esta adaptação cinematográfica épica é EMOÇÃO, não é?! Desculpem-me se eu a usei em excesso, mas não há outra que descreva melhor tudo o que senti. Senti-me emocionada do início ao fim. E quero assistir de novo - e desta vez em 3D! rs.


Uma batalha épica com suas tragédias e perdas, sua luta árdua e dolorosa, mas também com seus momentos românticos e divertidos, e sempre totalmente mágico, assim termina Harry Potter: deixando saudades; e com a certeza de que muitos fãs de hoje lerão para seus filhos esta história fantástica criada por J. K. Rowling fazendo assim com que esta magia dure eternamente!

Se alguém quiser ler o que eu escrevi no meu blog sobre a Parte 1 do filme, é só clicar AQUI.


FICHA TÉCNICA
Elenco: Daniel Radcliffe, Emma Watson, Rupert Grint, Ralph Fiennes
Direção: David Yates
Gênero: Aventura
Duração: 130 minutos

Sinopse:
Na segunda parte do final épico da série, a batalha entre o bem e o mal no mundo da magia se torna uma guerra entre centenas de bruxos. Os riscos nunca estiveram tão altos e nenhum lugar é seguro o suficiente. Assim, Harry Potter precisa se apresentar para fazer o seu último sacrifício, enquanto o confronto final com Lorde Voldemort se aproxima. Tudo acaba aqui.




Abraços,
Daniela Tiemi

9 comentários:

MAX disse...

Olá Daniela.
Puxa, fiquei emocionado só de ler sua postagem. Ainda não assisti ao filme. Vou fazer o seguinte: comprar o dvd e fazer uma marratona aqui em casa, do primeiro ao (custa dizer essa palavra) ao último. Não sei se encontrarei uma série que me fisgue como Harry Potter me fisgou. Hogwarts e seus corredores e salões fizeram, por muito tempo, parte da minha vida.
Harry Potter será lembrado para sempre. Consegui um adentrar em um espaço que poucas obras literárias conseguiram: tornou-se um clássico. Tenho orgulho de ter os livros em minha estante e os filmes - por enquanto incompletos - em meu armário.
Bjos.

c8ris disse...

me contive pra não chorar de novo , pois ja chorei demais quando via o filme no sabado ^^ lindo post transmite o que todos os fas da serie sentem

*anaa* disse...

Assisti ontem o filme... e é até difícil falar! Foi muito, muito bom, emocionante, como você falou. Me inspirou até fazer um texto sobre finais em geral. Se quiser dar uma passadinha lá no blog pra conferir, também escrevi minha opinião sobre o filme.
Muito boa a sua resenha.

Beijos,
Ana
Tesouros do Meu Baú

André B. disse...

Olá Daniela,

Também sou fã de Harry Potter há muito tempo mas admito que não me emocionei tanto quando terminei de ver o último filme pois pra mim tudo já acabou no último livro.

Eu me lembro que quando acabei de ler o último livro não pude acreditar que seria assim o final.

É realmente muito estranho quando a gente passa anos e anos vivendo uma história, rindo, se emocionando, esperando ansiosamente o próximo livro e de repente tudo acaba de um segundo para o outro com a última palavra do livro. Só quem já passou por isso sabe o que é. Dá um vazio. Mas fazer o que, na vida é assim mesmo: Tudo tem um começo, meio e fim.

Daniela Tiemi disse...

Ana, eu amei seu blog e estou t seguindo, mas não consigo deixar recados em blogs sem opção de anônimo, estou com este problema faz tempo e não sei como resolver! Só por isto, não deixei um recadinho lá para vc! Eu amei oq vc escreveu sobre HP!

Bj.

Nica Morgan disse...

Vi esse filme nessa sexta. Não achei que o Daniel foi incrível nesse filme, maaaaaaaaasss... o ator que faz o Snape realmente foi supremo.
Eu gostei muito do filme, mas como não gostei do final do livro eu consequentemente não gostei muito do final do filme...
Vi em 3D e vale a pena :)

Augusto Abreu disse...

Muito bom seu blog, deu para pegar umas dicas de leitura, pois como você também sou um leitor compulsivo. Deixo aqui o link do meu blog se quiseres dar uma olhada, hoje tem um conto em homenagem à Amy Winehouse. Valeu!

Daniela Tiemi disse...

Nica,
Tb acho q exagerei um pouco ao dizer q ele estava incrível (rsrs), mas com certeza acho q o Daniel estava melhor q nos outros filmes...rs.
=0)
Bj.

Matheus Luiz Franco Guedes disse...

a senhora e o seu blog sao d+++++++++++

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela