"Divergente" de Veronica Roth

terça-feira, 8 de janeiro de 2013


Em uma Chicago futurística vive Beatrice, uma jovem de dezesseis que vive com os pais e com o irmão em uma singela moradia da facção a que pertence - a abnegação. A sociedade que Beatrice vive divide-se em cinco facções - abnegação, franqueza, erudição, audácia e amizade. Cada facção é responsável por uma parcela do funcionamento da cidade, cada uma conforme seu perfil. 


Ao completar dezesseis anos, todos os jovens de cada facção tem que participar de uma cerimônia para escolher ao qual facção irá fazer parte para toda a vida. Uma vez escolhida a facção ao qual irá pertencer, toda sua vida anterior deve ser deixada para trás, inclusive, sua própria família. Antes da grande cerimônia, os jovens tem que participar de um teste de aptidão que lhes ajudará a escolher a facção. O teste, no entanto, revela que Beatrice não se encaixa em nenhuma facção, sendo uma Divergente - detalhe que não pode ser revelado a ninguém, pois a jovem pode correr perigo se o governo descobrir.

Surpreendendo a todos e a si mesma, Beatrice toda a decisão mais importante da sua vida sem saber que acaba de se envolver na maior e mais perigosa aventura que mudará para sempre o seu próprio destino, da sua família e da sociedade. 

 ¸. • * '¨`* •. ¸. • * '¨`* •. 

Divergente é uma leitura viciante. Uma vez que você começa a ler o primeiro capítulo, não consegue mais parar, pois a narrativa fluida de Veronica Roth, nos conduz pelos costumes da sociedade, seus ideais e principais características das facções, e principalmente, pela difícil decisão de Beatrice de escolher sua facção conforme seu coração deseja ou se permanece na mesma facção em que nasceu, a abnegação. 

Veronica Roth conseguiu exprimir bem durante toda a história o perfil de cada facção sem tornar a leitura cansativa. Ao construir sua personagem principal, ela empregou bastante coragem, audácia e força de espírito, mas também fragilidade e um desejo imenso de superação. Beatrice é uma personagem formidável, cheia de energia e vontade de aprender. Outros personagens também se destacam como o gatíssimo Quatro, instrutor de Beatrice, responsável por treinar os jovens iniciantes. Também Al, um jovem robusto, forte, proveniente da facção da franqueza, mas que tem receio de usar sua força contra seus amigos nos treinos, sendo rotulado de fraco por todos. Há outros personagens que se destacam, mas esses foram os que mais apreciei.

Outro importante detalhe que dá vivacidade e veracidade a história de Veronica Roth é o emprego de cenas fortes, mortes e tragédias, chocando muito o leitor. Inicialmente, achei desnecessário, mas depois compreendi que sem esses artifícios, a autora não conseguiria exprimir de forma verdadeira a dinâmica das facções. Sua história é bastante inteligente e tem potencial explosivo de se tornar o novo queridinho da galera. E o melhor: tem um romance arrebatador permeado de muitas aventuras e perigos.

Não vejo a hora da Rocco lançar Insurgente aqui no Brasil. Confesso que estou vidrada e empolgadíssima. Aliás, Divergente foi o primeiro livro que li em 2013 e conclui a leitura em apenas dois dias. Maravilha! Comecei o novo ano com uma leitura super recomendada para vocês. ;-)


Minha classificação para esse livro é de  6/7- "Excelente".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Divergente. Roth, Veronica. Editora Rocco, 2012, 504 p.



36 comentários:

João Victor disse...

Oi..

Eu acho que uma distopia necessita de cenas assim, fortes, chocantes. Acho que deixa a história mais viva, mais intensa. Melhor, até.

Estou ansioso pra ler Divergente. Já tenho ele aqui comigo, mas ainda não tive oportunidade de lê-lo.

Parabéns pela resenha :D

João Victor, Amigo do Livro
http://amigodolivro.blogspot.com.br/

Amanda Naira Arrais disse...

Leu rapidinho em..

Ainda não li.. mas falam coisas maravilhosas a respeito desse livro..

ele deve ser realmente muito bom, já que você não queria mais largar dele.. é muito bom quando a historia prende a gente.. já fiquei sem comer e sem dormir com livros assim rsrrsrs



Seguidora : Amanda..

Manu Hitz disse...

Não li nenhuma distopia, nem posso ser radical dizendo que não gosto. Mas não me atraem. Não curto ficção, fico nos romances possíveis, nos policiais, nos dramas conflituosos e atuais.
Tenho visto o sucesso de Divergente, muitas resenhas aprovando e mais leitores esperando, como vc, a continuação. QUe bom!

Thais Priscilla disse...

Este livro é realmente muito bom. Li ano passado e foi um dos melhores do ano. Estou ficando cada vez mais viciada em distopias.

Beijinhos,

Thais Priscilla

http://thaypriscilla.blogspot.com

Mayara Milesi disse...

Eu estou completamente doida para ler esse livro *.*


Ele parece ser incrivel!!! Eu não sabia que ele fazia parte de uma coleção, você sabe me informar quantos livros são?


Beijos

Karen Senoo disse...

Li várias resenhas comparando Divergente a Jogos Vorazes e, lendo a sinopse, até que vi algumas semelhanças. Como adorei o ambiente criado por Collins fiquei ansiosa para conhecer este outro mundo distópico. Esse gênero nunca para de me surpreender =)


Bjs
@Tibiux

Kelry Caroline disse...

Me parace jogos vorazes, mas é diferente.
A autora soube realmente fazer um bom livro!

Luciana Cardoso disse...

Olá Dominique, eu simplesmente amei sua resenha sobre esse livro, se eu já estava como vontade de lê-lo agora estou louca para ler rsrs... achei a resenha completa, envolvente, resumindo... perfeita parabéns.
Sobre a história, desde quando eu li a sinopse desse livro eu logo vi que eu iria quer lê-lo, estou ansiosa pela leitura.

Thais Vianna disse...

Eu li Divergente e me apaixonei. Não vejo a hora de ler Insurgente. Amo distopias e nessa a narrativa é deliciosa.


Thais Vianna
@dathais

Cristiane Silva disse...

Esse livro é uma delícia de ler! Eu amei, o final foi demais e só quero a continuação agora *-*
Ahhh, e...Casa comigo Quatro! xD
cristiane dornelas

David Lucas Bromsson disse...

Roth realmente criou um novo mundo. E, diferente do que muitos dizem, não se parece com Panem. É inovador! Espero ler o mais rápido possível..
David Lucas Sampaio.

Juliana Suzart disse...

Faz tempo que quero ler esse livro, ouvi muitas pessoas dizendo que é ótimo, com certeza está na minha listinha desejados, a história parece ser muito boa, apesar de eu ter minhas dúvidas se é tão boa assim e até agora as distopias que li eu adorei então espero que seja assim com esse também :)

Beijos! :D

Brenda Ferreira disse...

Realmente um mundo totalmente novo. A história realmente parece instigante, muito bom! Louca pra ler *-*

Jéssica disse...

Bela resenha! Me deixou com mais vontade de ler o livro! Parecer ser uma história extremamente interessante.
Beijos.

Maristela G Rezende disse...

To doida pra ler esse livro! Depois que assisti a Jogos Vorazes, comecei a me interessar por livros desse tema e esse é um dos que quero muito ler. Gostei muito da resenha.

Inês Gabriela A. disse...

Eu sempre quis ler esse livro, parece ser realmente surpriendente e depois de Jogos Vorazes parece ser a distopia perfeita.

Stephanie Remohi disse...

Nossa, adorei sua resenha! Eu já tinha visto críticas ótimas desse livro mas não tinha me interessado pela sua história. É muito intrigante, no começo achei que ela pertenceria a alguma facção e o enredo ia se enrolar em torno disso, mas ela vai ter que enfrentar algo muito maior. Esse livro me lembra Jogos Vorazes. Estou ansiosa para ler!

Amanda Gabrielly disse...

Parece ser muito bom esse livro, to louca pra ler!!

Mariane disse...

Oi Dominique!
Caramba já vi que muita gente está falando desse livro e, pelo visto, ele é muito bom !!!!
Você sabe se é uma série muito longa?

alyne guedes disse...

Já tinha lido outras resenhas sobre ele,mas a sua me surpreendeu pq me fez querer ler esse livro urgentemente!!!

Aline Cristina disse...

Cada resenha que eu leio de divergente fico ainda mais curiosa para lê-lo..
Adoro distopias...

Já está na minha lista de leitura..
Adorei a resenha.. =)

Camila~* disse...

Já tinha lidou outras resenhas sobre "Divergente" e, a cada uma delas, a minha curiosidade aumenta bastante! Está na minha listinha de livros para 2013, sem falta! Adorei sua resenha! ;]
Beijos!

VANNESSA QUEIROS disse...

Oi gostei da resenha na expectativa para ler o livro, é verdade que vai virar filme?Já tem a continuação?

Quero ler e acompanhar Beatrice , e conhecer a históriaEstou gostando das distopias porque trazem algo novo no enredo,personagens,moral da história...

Gleyciana Cidade disse...

Tenho muita curiosidade para ler esse livro e mesmo com sua resenha muito boa, ele não parece um novo "jogos vorazes"? Ao que parece é que quando uma ideia dá certo vem um turbilhão para acompanhar.

Gizeli Regina Meister disse...

Já li Divergente, e adorei as aventuras realmente te prendem, além de ser uma leitura fácil. Consegui ler em um e meio.Com certeza um livro que recomendo para todos...

Jac Bagis disse...

Ainda não conheço, mas pela resenha dá pra ver que a história é realmente envolvente e viciante. Já pensou, ser uma pessoa totalmente diferente que não tem um lugar pré-determinado? Quero muito saber o desenrolar da história!


E a propósito, a capa do livro é linda!

Danilo Borges disse...

Todas as pessoas que leram este livro e que eu li em resenhas, ou com amigos, elogiaram bastante a história, quero muuuuuuuuuuito ler essa história, parece ser super interessante! *-*

Tamyres Fátima disse...

Muito boa a resenha.. doida pra ler

Nardonio Alves disse...

Sou fã de distopias, e claro que essa mão poderia ficar de fora. Tenho lido várias resenhas positivas em relação a esse livro, e espero ter a oportunidade de ler em breve.



@_Dom_Dom

Marisa Eloi disse...

Fiquei dois dias hibernada lendo ele haha. Amei o Four e a Tris. E Insurgente será a salvação da minha sanidade. Não vejo a hora de ler ele. *-*

Beijos.
http://desventurasembooks.wordpress.com/

Gizeli Regina Meister disse...

Já tive o prazer de ler, é surpreendente, de mais, adorei muito bom, só esperando os sairem os próximos. A historia se desdobra magicamente e
trilha um caminho inesperado, sem duvida ele é otimo.

Magiasbook Livros disse...

Interessante saber o conteúdo deste livro ainda não tinha visto. Não sabia do que se tratava pela sua narrativa vi que é um bom livro para ler.
Gosto de livros assim com conteúdo intenso que prende o leitor,uma boa dica de leitura.

Mayara Milesi disse...

Eu estou doida pra ler esse livro, todas as resenhas que eu li sobre ele foram extremamente positivas...

Espero conseguir lê-lo antes do lançamento do Insurgente kkk

Serão só dois ou é uma trilogia?
beijos

Lilian Gabriella disse...

Amei a resenha. Eu li alguns pedaços por alto desse livro e gostei muito. Amo distopias e essas parece perfeita! Esse livro me lembra um pouco A Hospedeira, não sei poque. O lance das facções também são muito legais.

Thicy Lopes disse...

Esse é aquele tipo de livro que depois que começa a ler só para quando o livro acaba =]
Quero muito ler esse livro ele parece ser muito bom, além de ser muito bem recomendado!!

Amanda Gabrielly disse...

Estou louca para ler o livro!!

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela