"Sob a luz da lua" de Andrea Cremer

quarta-feira, 17 de abril de 2013


A sensação foi familiar e estranha ao mesmo tempo. Senti um arrepio parecido àquele quando eu começava uma caçada. Com Ren, meu desejo aparecia subitamente, como a raiva, como um desafio. Shay evocava em mim uma paixão branda, um calor insistente, contínuo. Não havia matilha, mestre ou mestra. Apenas ele e eu - e seu toque ardia em locais do meu corpo prometidos para outra pessoa."

Ao finalizar a leitura de "Sob a luz da lua" de Andrea Cremer, perguntei-me: porque demorei tanto para ler este livro? Eu adquiri este livro assim que foi lançado, em 2011 pela Galera Record, mas em meio a tantos livros sobrenaturais - ou simplesmente, em meio a tantos livros adquiridos -, eu o deixei de lado. Com lançamento de "Lua de Sangue", finalmente resolvi ler esta série e posso dizer que adorei.

Shay Doran está fazendo uma caminhada pelas montanhas do Colorado, quando é atacado por um urso. Calla Thor estava fazendo sua ronda pela região quando salva a vida do garoto. Porém ao tomar esta atitude, ela coloca em risco o seu segredo: Calla é uma loba.

Após o incidente na floresta, Calla não imaginou que veria o garoto que salvou novamente. Contudo, no colégio, eis que surge um novo aluno. Shay é inteligente, gosta muito de ler, e é principalmente curioso e questionador. Ele jura a Calla que guardará seu segredo, mas não se conforma que ela tenha que se submeter as certas regras sem jamais questionar. Ele a fará quebrar várias das rigorosas regras que os Defensores - lideres dos Guardiões - impõem, mas também a ajudará desvendar certo mistérios jamais antes questionados.

 Na região de Vail, há duas alcateias que estão prestes a se unir com o casamento arranjado entre Calla, uma Nightshade, e Ren Laroche que pertence aos Banes. Ambos são alfas - lideres de matilhas - e estão predestinados a estarem juntos para que um novo clã surja. O casamento está marcado para daqui a um mês, em 31 de outubro quando ambos completarão 18 anos e a primeira lua de sangue surgir. 

Claro que a proximidade entre Shay e Calla, deixará Ren pra lá de enciumado. Mas a ordem dos Defensores de manterem Shay protegido, faz com Ren suporte a presença do garoto entre eles. Não se sabe o porquê de um garoto humano ser tão importante para que haja ordens dos Defensores em protegê-lo. Contudo com Shay por perto, muita coisa esta prestes a mudar.

Com um trama entremeada de mistérios e ação, um triângulo amoroso com doses maiores de sensualidade do que normalmente encontramos em livros YA por aí, e que ainda por cima aborda temas como homossexualidade, assédio e submissão, este livro realmente me surpreendeu. Fiquei super ligada na trama e estou contente de já ter "Lua de Sangue" em mãos para iniciar a leitura. 

Calla é forte e guerreira. Como uma Alfa comprometida desde o nascimento, ela jamais pôde sequer beijar um garoto - nem ao menos Ren. Ela só é permitida a ser beijada e tocada após a união. Com seus hormônios a mil e o sexy Ren e o doce Shay a sua volta, cada um deles provocando a garota à sua maneira, o leitor sente a tensão sexual entre eles. Especialmente, por Calla ser a narradora.

"O beijo de Shay se intensificou, sua mão deslizou pelas minhas costas e cabelos, e passou sob a blusa, acariciando minha pele. Senti como se bebesse a luz do sol. Meus dedos se moveram do peito para o queixo de Shay. Pressionei-me contra ele, desejando saber mais sobre os mistérios do meu corpo, conhecer melhor essa liberdade, esses instintos."

Devo admitir que finalizei a leitura sem decidir se sou Team Shay ou Team Ren. Eu gosto do Shay, pois ele tem senso de humor, e faz a Calla sorrir. Deixando os problemas mais leve, mesmo quando é ele o responsável por colocá-la em uma enrascada por conta de sua curiosidade aguçada. Já Ren é possessivo, esse lance de macho alfa poderoso o torna controlador, o que eu não me agrada muito. Mas esse jeito mais atirado e caliente dele é sexy. Além disso, aos poucos vamos percebendo que ele não é tão seguro de si quando se diz respeito a Calla, e essa insegurança e vulnerabilidade por conta do que ele demonstra sentir por ela me deixaram suspirando. 

"Sob a luz da lua" é um livro que eu recomendo aos fãs de histórias sobrenaturais e que adoram um bom romance. Apesar de ter um ou outro detalhe mal explicado na trama e muita coisa que ficou para ser resolvido na continuação da série, de um modo geral, o livro é ótimo. Possui um bom ritmo e um enredo interessante. Vale a pena conferir!


Minha classificação para esse livro é de  4/6- "Muito bom".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Sob a luz da lua. Cremer, Andrea. Editora Galera Record, 2011, 320 p. 





18 comentários:

Naty C disse...

Não conhecia o livro, mas achei interessante ele ser um YA com uma temática um pouco mais "forte" do que o normal. Embora eu esteja um pouco cansada de séries, nunca li nada sobre lobos, acho que vou dar uma chance ao livro.

Cláudia Charão disse...

Oi Dani


Agora lendo a resenha notei que Ixi quando vi o 2º nas suas aquisições confundi totalmente essa com outra série, essa eu não comecei ainda. Acho o enredo bem instigante, e poxa essa moça esta bem heim, dois carinhas bem interessantes, mas concordo contigo, nunca sou chegada nos possessivos.


Bjus

Ana Paula Barreto disse...

Bom, realmente não é o meu caso: não sou fã dos romances sobrenaturais. Não sei, mas me passou a impressão de ser mais uma história voltada para adolescentes. Não me identifiquei com o enredo, nem com os personagens (pelo que li na resenha, claro). Confesso que também não me esforcei muito! rs
Mas isto não tira o mérito de uma boa narrativa, construção do enredo e dos personagens!
bjs

Daniela Tiemi disse...

Pois eh, Ana Paula, trata-se de um livro Jovem Adulto e se vc nao se identifica nem com o fato de ser YA, e nem por ser romance sobrenatural, arrisco a dizer q vc talvez nao goste deste livro. Afinal este eh o foco do livro.

Bjokas.

Daniela Tiemi disse...

Vc confundiu com q serie? Fiquei curiosa. Hahahaha!

Daniela Tiemi disse...

Pois eh, Nati, esse lance de series eh complicado. Nao dou conta mais. Eh mta coisa para meu tempo e o meu bolso. Mas, tendo analisar quais as exceções vou abrir. rsrs. Bjo.

Cláudia Charão disse...

hahaha uma nada haver com essa, aquela Trilogia Shade que o 1º se chama Nas sombras.

Rayme disse...

não lembro de conhecer este livro, nem a autora, mas gostei da história, apesar de não gostar muito de livros sobrenaturais...
na verdade acho que ando meio esgotada deles! :S

Amanda Péres disse...

Vontade de ler AGORA! Adoro histórias sobrenaturais e mais ainda romance. *.*
Os livros da série Nightshade estão nos meus desejados faz teeeeempo mas nunca encontro uma promoção boa para comprá-los... estão sempre tão carinhos! Quantos livros é a série? A editora demorou 2 anos entre o lançamento de um livro e outro. =/

Daniela Tiemi disse...

Fui pesquisar para vc, e descobri q trata-se de uma trilogia. O terceiro livro (Bloodrose) finaliza a trama, mas a autora lançou dois outros livros q contam uma historia sobre o ANTES de Nightshade, com outros personagens e tal.
Bjo.

Livia Braga disse...

Não conhecia o livro, agora realmente estou amando esse livro! rsrs E pela resenha sou definidamente Team Ren ^^ QUE HOMEM heim?!! hahahah
São qntos livros?

Inês Gabriela A. disse...

Antigamente eu tinha mais vontade de ler esse livro, sério. Agora eu meio que perdi o interesse por essa mitologia e estou desejando outros livros, mesmo que aborde temas importantes e tal... sei lá, apenas perdi o interesse.

Sora Seishin disse...

Oi Dani!

Eu adoro histórias sobrenaturais e fiquei feliz de saber que esse é mais um bom livro no gênero.

Também tenho uns livros que comprei faz tempo e não li, preciso dar uma arrumada na estante e pegá-los para ler!

Beijos,

Sora - Meu Jardim de Livros

Folhas de Sonhos disse...

Não tenho mais tanta vontade de ler livros como esse, sinto necessidade de ler algo mais intenso. Parece pouco. Mas com certeza faz diferença quando a pessoa quer ler algo mais tranquilo (apesar de esse não parecer tannnto) , pra relaxar :)

Ana Alvarez disse...

Aii, que vontade que me deu de ler esse livro! Acho que se nao tivesse lido esse post aconteceria a mesma coisa comigo! Logo que ler meus novos livros vou me aprontar para comprar esse!

Andreza disse...

Oi, Daniela!
Sua resenha está ótima, com certeza os fãs do gênero irão amar e se interessar pelo livro! Eu não curto muito a temática, então passo a leitura adiante! ;)

Alessandra Alvis disse...

Adoro histórias sobrenaturais, a maioria dos meus livros favoritos são sobrenaturais, o que mais chama atenção nessa série em primeiro lugar é a capa e em segundo a sipnose, sou uma daquelas pessoas que adora admirar um livro, não tenho dúvidas de que lerei esse livro triângulos amorosos sempre nos chamam atenção nos livros (pelo menos comigo é assim) ultimamente estou lendo muitos livros YA, então já estou acostumada com a escrita da maioria dos autores desse gênero, esse simples trecho do livro já me fez suspirar, vou procurar os preços dos livros.

Karen Senoo disse...

Eu adorei o livro também =) Achei a trama diferente e envolvente. Gostei principalmente desse triângulo mais que quente kkk O final me deixou com gostinho de quero mais e com certeza sou Team Shay! Muito fofo ele ^^


Bjs

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela