"Círculo de Fogo" de Michelle Zink

sexta-feira, 27 de setembro de 2013



Correndo contra o tempo, mas com mais vontade de acabar com a Profecia de uma vez por todas, Lia sai em uma jornada para encontrar as chaves restantes e localizar as páginas desaparecidas da Profecia e convencer sua irmã, Alice a ajudá-la - ou arriscar sua vida tentando.

Lia tem Dimitri ao seu lado, mas Alice tem James, o homem que um dia amou sua irmã - e talvez ainda ame. James não sabe a verdade sobre as irmãs ou sobre a Profecia que os separa. E Alice pretende mantê-lo assim. Há alguns segredos entre as irmãs que é melhor não compartilhar. Porque quando são compartilhados podem destruir tudo.

A trilogia "A profecia das irmãs" nos conta a história das gêmeas Alice e Amália (ou Lia) que por conta de uma maldição se tornam rivais na luta do bem contra o mal. Em New York do seculo XIX, uma maldição milenar que assombra a família Milthorpe torna as irmãs Alice e Amália inimigas. Sendo Alice, a irmã malvada e Amália, a guardiã do portal e única a ser capaz de deter Alice e quebrar a maldição.
No segundo livro, Amália, na sua jornada para encontrar respostas para a maldição e as chaves que faltam para vencer a batalha contra Samael, a Besta, se muda para Londres. Então Alice permanece em New York. Contudo, mesmo com um oceano de distancia, Alice ainda é uma ameaça para Amália que corre contra o tempo, já que sua irmã tem desenvolvido seus poderes e está fora de controle. Para a sua sorte, encontra ajuda no jovem e atraente, Dimitri.
Em "Circulo de Fogo", terceiro livro e último livro, Lia esta determinada a fechar o portal e acabar de vez com a profecia. Quando sua irmã parece em Londres, noiva de seu ex-namorado, James. Mesmo não mais apaixonada pelo garoto, Lia teme por ele que nada sabe sobre a verdadeira Alice e a maldição que assombra as irmãs.

O livro de modo geral é bom. A história é interessante e o romance entre Dimitri e Lia me renderam suspiros, mas a autora tinha nas mãos a oportunidade de um desfecho grandioso e não o desenvolveu como poderia. Alice que, na minha opinião, estava apagada no segundo livro, se tornou menos intensa no seu papel de irmã malvada. Os pesadelos de Amália, apesar de assustadores, surgiram em excesso na trama o que deixou a leitura cansativa em alguns momentos.

Enfim, apesar do final não ter sido digno ao que poderia ter sido, não tira o crédito de toda a trilogia que de um modo geral é bem bacana. Eu recomendo para quem gosta de romances sobrenaturais que fogem do mais do mesmo - vampiros e distopias.


Minha classificação para esse livro é de 3/6- "Bom".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.


Circulo de Fogo. Zink, Michelle. Editora Rocco, 2013, 364 p.


5 comentários:

Hérida Ruyz disse...

Ei Daniela,
Estou pra receber Circulo de Fogo. Já me falaram que o final da trilogia ficou aquém do esperado, mas vou ler assim mesmo para tirar a prova. rsrs
Bjs

Amanda T. disse...

Hey querida!


Eu só li o primeiro, mas resolvi ler a resenha mesmo assim porque não é uma série que eu vá querer terminar. Eu não curti o primeiro livro, impliquei com tudo e desisti de ler o resto :/ e pelo jeito não perdi muita coisa, ele ficou bem no mais ou menos né?


Um beijo
http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

Mandaah Nunes disse...

Hey! Até hoje eu só li o primeiro livro da série!! Com certerza lerei os outros. Embora eu tenha demorado para ler pela leitura um pouco cansativa, eu me apaixonei pelos personagens. Bom.. Não sei quando lerei, por saber que o final não foi aqueeeeele final sabe? Amei a resenha.. Bjos

Oliveira disse...

Estava esperando essa trilogia ser lançada por completo para lê-la, gostei dela desde que lançaram o primeiro livro. Com certeza vou lê-la. Obrigada pela resenha e o incentivo.

Viagem Literária disse...

Ei Dani


Achei a mesma coisa, a trama é legal, mas parece q a autora não soube criar um final foda, apagou a Alice da historia e o final ficou bem meia boca.
bjs

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela