"Tentação ao pôr do sol" de Lisa Kleypas

terça-feira, 12 de agosto de 2014



Poppy Hathaway está em Londres para sua terceira temporada de eventos sociais. Como nos dois anos anteriores, ela se hospedou com a família no hotel Rutledge. E, como nos dois anos anteriores, tudo indica que retornará a Hampshire sem ter encontrado um pretendente com quem se casar.
Apesar de ser extremamente bonita e gentil, Poppy tem duas grandes desvantagens em relação às outras moças: sua inteligência deixa muitos homens acuados e o fato de vir de uma família tão pouco convencional faz com que os melhores partidos nem sequer a abordem.
Mas o destino a coloca no caminho de Harry Rutledge, um homem de passado triste, que venceu na vida por conta própria e aprendeu a encarar tudo como um negócio. O dono do hotel não ama ninguém, confia em poucos e manipula todos. Porém, mesmo sendo tudo o que Poppy nunca almejou, ela não pode negar o fascínio que sente por ele.
Quando Harry conhece Poppy, é tomado pelo desejo. Ele imediatamente tem a certeza de que a jovem será sua – e, para o bem ou para o mal, não mede esforços para que isso aconteça.
Mas fascínio e desejo não serão suficientes para construir sua história, sobretudo quando uma traição põe em jogo as bases do relacionamento. Agora, é entre quatro paredes que eles tentarão resolver problemas e anular diferenças, num romance sensual em que seu futuro juntos pode mudar a cada toque, cada encontro, cada descoberta.

Tentação ao pôr do sol é simplesmente um romance magnífico, daqueles que te deixam com um sorriso enorme no rosto, suspirando e sonhando com esse vilão irresistível. Eu realmente gostei dos livros anteriores Desejo à meia-noite e Sedução ao amanhecer, mas eu já estava saturada de ciganos, apesar deles serem tão intensos e sedutores. Logo, assim que Harry apareceu tão intenso e misterioso, foi impossível não me apaixonar. 

Geralmente, nos romances é comum encontrarmos aqueles mocinhos que ficam em cima do muro, desejam e amam a mulher, mas ficam colocando mil empecilhos para não ficarem juntos. No caso do Harry, ele sabe que deseja Poppy e a quer do lado dele, então, não mede esforços para usar de meios vis para afastar o grande amor da vida dela e se casar com a jovem. Entretanto, mesmo conseguindo o que deseja, Harry é sistemático e não permite que as pessoas se aproximem, apesar de amar e estimar, não permite ser amado e Poppy terá compreendê-lo para poder lhe conquistar. A história lembra um pouco o conto de fadas de A Bela e a Fera, onde o vilão e a mocinha se apaixonam. Inclusive, os funcionários do hotel vivem tentando unir o casal e torcem pela felicidade do patrão.

"Ela teria sido sua, se realmente a quisesse, mas eu a quis mais."

Uma das características que mais apreciei nos romances da Kleypas é que suas histórias são contadas em terceira pessoa com enfoque maior nos personagens principais, mas ao mesmo tempo vemos o desenrolar das histórias dos personagens dos livros anteriores e também dos que estão por vir. Foi uma sacada genial da autora, pois acompanhamos todos os romances sob ângulos diferentes e assim matamos nossa curiosidade sobre como ficou a vida deles. 

"Sou tudo o que eles disseram e pior – anunciou Harry sem hesitação. Mas o que eles não disseram é que você é a mulher mais desejável e fascinante que já conheci e que eu faria qualquer coisa para ter você."

Finalmente, Lisa Kleypas me conquistou. Eu li esse romance em apenas um dia, praticamente o devorei. O fato do vilão ser  também o mocinho foi o ponto chave para transformar essa história em um sucesso. E Poppy é também um heroína de personalidade que não se rende facilmente. Inteligente, doce e romântica, ela também sabe o que deseja. A química entre Harry e Poppy é fortíssima! Entretanto, ainda não aceito os artifícios que a autora utiliza para unir os personagens, sempre tão teimosos. Em geral, ela utiliza cenas comprometedoras que acabam por levá-los ao casamento, se não quiserem ser vítimas de um escândalo e com isso serem rejeitados socialmente. Nos outros livros, ela usou do mesmo artifício, tendo algumas variações. No entanto, apesar dessa falha, eu adorei seus romances. Super recomendo! 

Ps.: Estou ansiosa pela história do Leo.



Minha classificação para esse livro é de  4/6- "Muito Bom".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Tentação ao pôr do sol. Kleypas, Lisa. Editora Arqueiro, 2014, 272 p.

Série Os Hathaways:




Um comentário:

Rayme disse...

Aaaah Nique, ainda não li nenhum dos livros desta autora, mas tenho curiosidade em ler todos!!! ;~~
as tramas dele parecem ser ótimas, e não sei dizer por qual eu fiquei mais apaixonada hahaha

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela