"A Saga do Tigre", de Colleen Houck

terça-feira, 9 de dezembro de 2014


"MEODEOS, QUE CAPA LIIIIIINDAAAA!"

E foi assim que eu comprei "A Maldição do Tigre", de Colleen Houck. Julguei, sim, um livro pela capa, e estou esperando o julgamento da sociedade. O fato é que essas capas são de enlouquecer qualquer um, uma mais linda que a outra, e ficam simplesmente PERFEITAS em qualquer estante. E foi por esse motivo que comprei todos. Claro que o motivo não foi apenas esse. Falou em príncipe encantado indiano, falou comigo mesmo (por motivos pessoais que não vêm ao caso... u.u). Mitologia, aventura, romance... O livro praticamente me chamou, sussurrou meu nome. E não me arrependi.

Ok, decidi fazer esse post pois, para fazer a resenha de um por um teria que reler todos eles. Não que a ideia não seja boa, é bastante tentadora, mas tenho outras leituras, e os últimos livros da saga são bem grandes, então, fica para uma próxima. Vamos falar aqui da saga num geral.

SIM, temos um príncipe encantado, em todos os sentidos literais da expressão! Um príncipe lindo, maravilhoso, delicioso e... encantado! Alagan Dhiren Rajaram, Ren, para os íntimos, é um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos e transformado em um belo tigre branco de olhos azuis. A estudante Kelsey Hayes, quando começa a trabalhar para o circo a fim de pagar sua faculdade, logo sente uma estranha conexão com o belo animal. Para ajudá-lo, ela embarca numa aventura pela Índia atual, milenar e mitológica com Ren.

SIM, temos uma mocinha bem resolvida e deliciosamente comum! Embora no final do primeiro livro ela ponha tudo a perder por causa de uma idiotice que te deixa com vontade de socar sua cabeça até explodir. Meu ódio mortal por mocinhas do tipo "ele é areia demais pro meu caminhãozinho" é lendário, e nesse primeiro livro foi aflorado. A Kelsey tem seus bons e maus momentos, e depois da entrada de Kishan, o irmão gostosão, bad boy, canalha e cafajeste delícia de Ren, ela começa a dar uma de Bella Swan e isso realmente acaba com a minha paz interior. Sabe quando você conhece aquela mocinha apaixonada, totalmente entregue ao amor que sente pelo seu mocinho perfeito, aí aparece um outro boy magia e põe em dúvida todo esse graaaaande amor que ela dizia sentir? Sério, isso é muito chato! Porque você tem certeza absoluta que ela ama mesmo o primeiro e, possivelmente ficará com ele no final e será feliz para sempre, mas, não, ela PRECISA te irritar até o último momento.

Então, são nesses momentos que você fecha os olhos, respira fundo e se concentra em outras coisas, como na aventura excepcional que Colleen criou, um mergulho profundo na mitologia hindu, na Índia mística, antiga e fascinante, nas lendas, mitos, deuses e deusas. Tudo isso está presente nos quatro livros da saga, de maneira muito detalhada e super bem escrita. É o grande trunfo da história toda, o que faz valer a pena a leitura. Sabe aqueles livros sem barriga, que te mergulham numa trama elaborada e vertiginosa do começo ao fim? A saga inteira é assim. E, claro, além disso temos dois príncipes lindos de morrer.

Depois que você fica devastado pelo final da saga (sim, porque há a morte de um personagem que... é puro amor! <3 Mas não vou dizer quem é), e feliz ao mesmo tempo, e depois triste por ser o final, eis que a autora surpreende ao lançar mais um livro, "A Promessa do Tigre"! Assim que eu o tiver em mãos, PROMETO SOLENEMENTE que farei uma resenha direitinha, com tudo o que tem direito. Mas, por enquanto, desafio VOCÊS a entrarem nesse mundo mágico e maravilhoso, se tiverem coragem e nenhum medo de se apaixonar por um (ou dois) tigre (s).




 ¸. • * '¨`* •.  A Saga do Tigre ¸. • * '¨`* •.  



15 comentários:

Gladys Sena disse...

Li vários comentários dessa saga, mas ninguém tinha dito que uma das personagens morria no final...
Para quem curte mitologia e tals deve ser uma leitura interessante.

Karine disse...

Com certeza é! É muito bem construída e cheia de referências. Talvez não tenham falado pra não dar spoiler, mas é que eu sou abusada. Kkkkkkkkk.

Clara disse...

Pois é, a primeira capa é MARAVILHOSA! O trabalho da Arqueiro foi perfeito com essa série. Já li todos os livros, e fico triste porque não percebi o potencial que a série tinha na época que eu li. Engraçado que todo mundo entra em consenso que a Kelsey consegue ser pretty annoying, né? Anyway, a mitologia que a Colleen "criou" foi simplesmente incrível, concordo com você.


Clara - Incantevole
clarabeatrizsantos.blogspot.com.br

Rayme disse...

eu acho as duas primeiras capas extremamente lindas, e olha, eu também compraria só por causa da capa kkkkkkk
as tramas dos livros parecem ser ótimas. já vi muitas resenhas positivas deles, mas confesso que não me atrai tanto assim. esse negócio de mitologia não me prende tanto a atenção...ando fugindo de séries grandes, porque o tempo anda curto... mas quem sabe um dia eu leia hahaha

Karine disse...

A capa do terceiro tbm acho maravilhosa. Bem, se a mitologia não te atrai, aposto que dois príncipes morenos, altos, bonitos e sensuais serão a solução do seu problema. Kkkkkkkkkk.

Karine disse...

Todas são lindas, mas a primeira.... Maravilhosa! A Kelsey é uma chatinha mesmo, mas principalmente no final do primeiro, dá um ódio dessa garota, vontade de chacoalhar a cabeça dela! Kkkkkkkkkk. A mitologia hindu é provavelmente a mais rica do mundo, e a Colleen soube muito bem como usá-la ao longo dos 4 livros. Sensacional.

Any disse...

Sei como se sente quando um livro ti chama e
você não consegui esquecê-lo até que o tenha e o leia... Já aconteceu
muitas vezes isso comigo rsrs.

Vi muitos comentários sobre essa série, mas
confesso que a saga

do tigre não despertou meu lado de leitora
viciada... Depois de ler sua resenha não me arrependo, pois não suporto
mocinhas indecisas que não sabem o que quer, não tenho paciência pra isso.
Não gostei do livro Lua Nova por causa do triângulo amoroso.

Triste quando um personagem que você gosta morre
no final, parece até a morte de um ente querido rsrs.



Bjos.

Karine disse...

Pois é, eu tbm não tenho paciência. Rsrs. Mas, como eu disse, a trama me chamou mais a atenção, então tudo o que eu precisei fazer foi ignorar o triângulo amoroso. Quanto ao personagem, sim, foi triste, eu realmente gostava dele... Mas foi por uma boa causa.
Bjs!

Flávia Pachêco disse...

A primeira capa é linda maravilhosa de morrer! E a segunda é muito bonita também. Mas não gostei muito da terceira e da quarta, elas me deram medo! Haha.
Eu sou uma romântica incurável, então se eu fosse ler seria apenas por causa do romance envolvido ai, hahaha. E eu ri muito com esse "ela começa a dar uma de Bella Swan", poxa, a protagonista não pode ser tão chatinha assim, pode? Essa dúvida cruel acaba nos matando mesmo e até fazendo duvidar um pouco desse amor.
Mas falando da parte da mitologia, deuses, místicismo, eu ja começo a desistir de ler, ainda mais quando isso está presente por toda a saga, e quando a saga é tão longa assim. Isso me desanima, sério :(

Karine disse...

Vish, então se vc não curte, melhor nem tentar, sério. É a saga toda assim. Maaaaas, se vc gosta mesmo de romance, talvez goste desse triângulo amoroso, quem sabe?

Flávia Pachêco disse...

Pelo que parece não é o romance que predomina, então acho melhor nem arriscar mesmo :( Haha

Jois Duarte disse...

Realmente, as capas são lindíssimas *__________*
Apesar dos ótimos comentários, ainda não li a série. Fiquei tentada a comprar a coleção na Bienal, mas me controlei... quero ler, mas não com desespero e afinco. E me desanimou ter lido um spoiler infeliz sobre o final infeliz =(

drielymeira disse...

Oiee ^^
As capas dessa saga são as minhas favoritas, as mais lindas! Foi uma das primeiras sagas/séries que eu li, e uma das melhores! O final me deixou de queixo caído e com muita raiva da Colleen *-*

Georgia Germer disse...

Estou com os dois primeiros livros aqui para ler e depois dessa resenha, finalmente vou criar vergonha na cara e começar a ler! Já sei que vou me apaixonar e ficar louca para ler os demais!

ana caroline bastos disse...

Quero muito ler, mas estou com medo pois as pessoas falam muito da protagonista e esse livro é daqueles que só vou ler quando tiver todos na mão, pois as capas são lindas.

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela