"Perdendo-me", de Cora Carmack

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015


Bliss Edwards esta cursando faculdade de artes, e sua amiga Kelsey não se conformava com o fato de ela ter 22 anos e ainda ser virgem. Prestes a dar um fim neste assunto, Kelsey arrasta a amiga para um bar a procura de alguém para ajudá-la neste "assunto". Após várias doses de tequila, elas examinam os homens que estão ali e Bliss acaba indo conversar com um rapaz pois percebeu que ele estava lá num cantinho lendo Shakespeare. Então Bliss conhece Garrick: um gostosão com um sotaque apaixonante.

Bliss e Garrick acabam dando uns amassos e terminam na cama, mas a noite não termina como ela (e Kelsey) gostariam. A garota não consegue ir à diante. Ela fica apavorada, muito nervosa e dá uma tremenda de uma desculpa, totalmente esfarrapada para o bonitão, fugindo.

“Sexo.
Eu estava indo fazer sexo.
Com um cara.
Com um cara quente.
Com um cara quente inglês.
Ou talvez eu estava indo vomitar.
E se eu vomitar em cima de um cara quente inglês?
E se eu vomitar em cima de um cara quente inglês durante o sexo?“

Tudo o que Bliss quer é esquecer tudo o que aconteceu entre eles. Ela está morrendo de vergonha, mas o que ela não esperava era chegar no dia seguinte na universidade e descobrir que Garrick será seu professor substituto.

O livro não é tão “hot” como parece ser. Não se trata apenas de sexo e mais sexo, como alguns livros do gênero. Ele vai bem mais além do que isso, explorando bem o universo da faculdade de Bliss. Mostra como são suas aulas e os ensaio que os alunos fazem para as peças teatrais. A trama também aborda o medo que os personagens têm sobre o que fazer depois de se formarem, e também a preocupação sobre fazer escolhas erradas na vida.

Bliss é pura comédia, totalmente desastrada e sem noção. Impossível não rir com as cenas constrangedoras da garota. Já Garrick é tão gracinha que se torna impossível não rolar aquela piriguetagem literária. Ele é educado, carinhoso, muito sensível e totalmente fofo com a Bliss. A história dos dois me envolveu demais, e me fez querer terminar logo a leitura para descobrir o que aconteceria entre eles.

Este new adult me agradou demais. A trama dele é fofa, bem romântica e nos faz devorar o livro sem nem perceber. As cenas mais sensuais são leves, e isso me agradou bastante, já que não gosto muito de livros quando tem o foco principal no sexo.

O livro pertence à uma trilogia, onde cada um deles focará em um casal. No próximo livro conheceremos a história de Cade, que é um personagem que aparece em Perdendo-me. Ele é amigo de Bliss e tem uma pequena quedinha por ela. O último livro desta trilogia será da Kelsey.


Minha classificação para esse livro é de 3/6- "Bom".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Perdendo-me. Carmack, Cora. Editora Novo Conceito, 2014, 286 p.



Um comentário:

Elisandra Eccher de Andrade disse...

Eu gostei muito dessa leitura, realmente é boa. Estou curiosa com a continuação. Espero que esteja a altura de bom.

Beijos Elis - http://amagiareal.blogspot.com.br/

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela