"Com você" de Laurelin Paige

terça-feira, 23 de junho de 2015


Nós não éramos loucos, ou sociopatas, ou pessoas horríveis. Nós só queríamos ser amados.

No segundo livro da trilogia Fixed, iniciada com Por você, Laurelin Paige mostra a evolução do explosivo relacionamento entre Alayna Whiters e o bilionário Hudson Pierce numa trama que envolve sexo, desejo e superações. Em Com você, a jovem Alayna precisa novamente lidar com suas obsessões. Afinal, ela não se acha capaz e nem merecedora de dividir o mesmo teto com alguém como Hudson Pierce – um homem bilionário e sedutor disposto a realizar todos os seus sonhos, inclusive sexuais – e vive atormentada por dúvidas, culpa e desconfianças. Mesmo ligados por uma conexão física vital, a relação dos dois é posta à prova quando segredos do passado vêm à tona. 

~ ~ ~ ❤ ~ ~ ~

A continuação da Trilogia Fixed - Com Você - vem com tudo novamente com cenas quentíssimas entre Alayna e Hudson. Em uma relação onde os opostos se atraem, ambos são pessoas com um passado sombrio e seus mundos não deveriam nunca convergir, mas uma atração implacável os uniu e agora eles lutam para permanecerem juntos. Alayna é obcecada por seus namorados a ponto de persegui-los, tornando tudo uma grande obsessão, culminando em um processo por parte de um deles que não aguentou a garota. Ela ama demais. Hudson é o oposto, não consegue amar, somente usar suas mulheres, fazendo-as se apaixonar até que ele se cansar de usá-las. Mas os dois juntos parecem funcionar bem, um catalisando o outro.

Hudson é simplesmente o cara! Gostoso, rico, bom de cama e apaixonado. O seu lado sombrio dá um toque de mistério delicioso o que só nos faz que tantos segredos ele guarda. Não vou contar para não estragar a surpresa, mas no final cada momento de tensão valeu a pena. Mais uma vez, Alayna me surpreende por ser uma mocinha às avessas, toda errada que já cometeu vários erros, que amou demais, mas que agora busca o equilíbrio. Acima de tudo adoro o fato dela saber que é um mulherão e saber utilizar sua feminilidade em seu favor, sem se fazer de "a virgem", a "coitadinha", a "mocinha que precisa ser salva". #Chegadeclichês

Ah, é impossível não odiar a mãe do Hudson que faz tudo para acabar com o romance nada fictício do filho. A mulher é uma vaca assumida e adoro quando Alayna a coloca em seu lugar. Ponto de novo para a mocinha arrojada! 

O ritmo da história é bem envolvente, adicionando os mistérios e acontecimentos aos poucos, deixando um clima de mistério e curiosidade sobre o passado dos personagens e suas motivações. As cenas de sexo também entre o casal são absolutamente quentes. Um olha pro olho já com lascívia, imaginando mil fantasias. Finalmente, posso dizer que adoro a trilogia e que Laurelin Paige me conquistou como leitora. Gosta de romances? Leia, leia!


Minha classificação para esse livro é de  4/6- "Muito Bom".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Com você. Paige, Laurelin. Editora Rocco, 2015, 400 p.



6 comentários:

Daniela disse...

Olá, adorei o blog! E a resenha do livro. Não conhecia a série, mas adoro romances. Vou procurar para saber mais.

Passa no meu blog depois - Sonho da Luna.

Abraço.

Alessandra Fernandes disse...

Eu sempre acho ousado essas capas de livros nesse gênero kkkk mas falando do livro, eu gostei da resenha não sei se eu compraria, mas a história parece ser muito legal. Abçs!

Dominique disse...

Alessandra, realmente a capa é ousada e é o tipo de livro que eu não leio no metrô de jeito nenhum, porque todo mundo saberá o conteúdo. Rsrs! Mas a história é ótima e quietinha na minha casa, eu li numa boa.

Obrigada pelo comentário!

Dominique disse...

Oi, Dani. Tudo bem?


Você vai adorar. Hudson é tudo de bom!


Bjs e volte mais vezes.

Mariele Antonello disse...

Não conhecia esta série, achei bem interessante e ousada essa capa, mas não sei se leria, lendo a resenha a história não me chamou muito a atenção e nem me deixou interessada.

Rayme disse...

Oi Dô,
já vi essa série por ai, mas não tinha ficado curiosa pois pensava que o livro fosse bem mais hot, sabe? que tivesse só sexo e nada mais
bom saber que ele vai além disso :P
adoro odiar personagens que são chatos tipo a mãe do cara! hahahaha

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela