"Dublin Street" de Samantha Young

segunda-feira, 16 de novembro de 2015


Traumatizada pelo seu trágico passado, a americana Joss muda-se para a Escócia, na romântica Edimburgo, onde espera começar uma nova vida. Durante quatro anos tenta negar memórias dolorosas, refugiando-se na escrita, no sonho de um dia, finalmente, pôr os seus fantasmas no papel. Mas de repente tudo muda. Quando vai morar em um luxuoso apartamento na Dublin Street, conhece o desconcertante Branden, um carismático milionário que exerce sobre ela um irresistível fascínio. Joss se vê numa encruzilhada. Sabe que a atração entre ambos é imediata, avassaladora. Mas os demônios do seu passado a impedem de se entregar ao sensual escocês. É então que ele lhe propõe um estranho acordo, que lhes permitirá explorar a atração entre eles sem se envolverem emocionalmente. Joss aceita. E no início acredita, inocentemente, que o acordo vai dar certo. Mas Branden quer mais, muito mais, quer tudo. Quer desvendar todos os seus segredos – e está disposto a mudar o que for preciso para tê-la por inteiro. Mas será que ela está disposta a ir até o fim?

~ ~ ~ ❤ ~ ~ ~

Dublin Street é um dos melhores romances contemporâneos que eu já tive o prazer de ler. Samantha Young reúne os melhores elementos nessa história arrebatadora: um romance ardente, paixão avassaladora, mistério e drama.

Joss é uma mulher forte, determinada e independente. Após viver um terrível trauma, ela se refugia na escrita, na esperança de expurgar no papel todos os seus demônios. E nessa tentativa de mudar de vida, ela vai morar na charmosa Edimburgo em um luxuoso apartamento na Dublin Street. E é onde conhece Branden, um homem lindo de morrer, sedutor e que sabe exatamente o quer e luta até conseguir.

A história entre eles dois começa numa disputada corrida de táxi em que ambos entram ao mesmo tempo e acabam chegando ao consenso de que vale a pena dividi-lo. A atração entre os dois é imediata! Mas cada um segue seu destino. Até que mais tarde, Joss descobre que Branden é irmão de  Ellie, sua colega de apartamento e que terá que conviver com suas visitas a irmã que se tornam cada vez mais frequentes.

A escrita da Samantha Young é envolvente e seus personagens bem construídos. Apesar de se tratar de um romance erótico, a história não gira apenas em torno do casal, a autora enriqueceu ao construir um drama envolvendo o passado da personagem com seu presente, além de outros conflitos que surgem no decorrer da trama. Joss é a cabeça dura da relação, a que é insegura, tem medo de se aprofundar no relacionamento e se machucar. Já Branden é seguro de si, sabe o que quer e luta muito por Joss. Aliás, os embates entre eles são bem quentes, em geral, Joss tentando negar e resistir a atração e Branden tentando lhe provar do contrário.

Dublin Street é o primeiro livro de uma série, mas infelizmente a LeYa ainda não publicou o segundo livro que se trata de uma história independente. Se você ainda não leu, leia! É hot na medida certa!


Minha classificação para esse livro é de  5/6- "Excelente".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Dublin Street. Young, Samantha. Editora Leya, 2014, 400 p.



Nenhum comentário:

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela