"Caçadora de Estrelas", de Raiza Varella

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016


Raiza se tornou uma das minhas autoras favoritas da vida. Todos os livros dela me marcaram de alguma forma, e com este aqui não foi diferente. Na verdade o que foi diferente foi forma em que ele me marcou, pois acabei Caçadora de Estrelas com o coração destroçado!

Nesse momento a única coisa que vocês precisam saber é que passei a vida buscando uma estrela.

Quando pequena, a mãe de Eva lhe contou uma lenda sobre “a estrela mais brilhante do céu” e ela incentivou a procurar a sua. Ela sempre entendeu tudo errado e até hoje está em busca de sua estrela, o amor da sua vida, só que as coisas não vão indo bem, porque se tem uma coisa que a garota não tem sorte é no amor. Ou melhor, ela tem um ótimo dedo podre. Sua obsessão em encontrar o amor da sua vida faz com que ela acabe se envolvendo com pessoas erradas e errando feio, mas tão feio que chega a ser cômico. Seu desespero em encontrar o amor da sua vida é tanto que faz com que suas relações amorosas virem piada.

Contrariando toda a sua família e amigos, acaba indo atrás de quem ela pensava ser o amor da sua vida em Londres. Ser trocada por um sarado gostosão faz com que Eva perceba que ela estava errada (mais uma vez) e eles certos (mais uma vez). Está na hora de entrar em um avião e voltar para casa. Você percebe o quanto Eva é atrapalhada quando, durante uma turbulência, agarra a mão do cara que está do seu lado (que é um gato, diga-se de passagem) e solta o verbo... conta para o desconhecido desde sua performance na cama até a sua preguiça de tomar banho.

Mas ao chegar ao Brasil ela não esperava encontrar uma vida totalmente diferente do que deixou para trás, mas encontrou. Seu pai se casou novamente e de brinde ela ganhou duas irmãs, seu melhor amigo arranjou uma namorada e parece não se preocupar mais tanto com ela, e seu gato lhe trocou e continua chateado com ela por tê-lo abandonado.

Eva é uma garota completamente imatura e egoísta que me irritou durante boa parte do livro. Durante toda a sua vida ela foi mimada pela família e por seus amigos, e ao voltar para a sua antiga vida ela percebe que eles acabaram aprendendo a viver sem ela. Apesar de ter sofrido bastante, parece não aprender a se dar o devido valor, entretanto, com certos acontecimentos durante a trama conseguimos acompanhar o amadurecimento e vendo-a se tornar uma mulher de verdade.

Precisa de mim aí?

Gabriel, seu melhor amigo desde a infância, sempre foi de coloca-la em primeiro lugar. Sempre fez de tudo pela garota, até porque ele sempre foi apaixonado por ela. Só que Eva nunca percebeu, e só vem perceber tarde demais, quando Gabs já esta com outra pessoa. A forma como o amor que ele sente por Eva é descrito de uma forma quase palpável, com uma pureza que quase não se vê em outros romances. Foi assim que ele conquistou meu coração logo que cara.

O problema é que Eva nunca teve que se preocupar de verdade, porque sabe que independente do que acontecer entre nós dois, eu ainda vou ajudá-la em qualquer problema que se meter.

Chateada por descobrir que está apaixonada pelo seu melhor amigo e que este amor não pode ser correspondido, Eva decide embarcar em outro avião para ir atrás de uma antiga paixão, mas acaba recebendo uma noticia bombástica que a deixará sem chão. Tal noticia mudará de vez a vida dela e fará com que aos poucos ela deixe de pensar somente nela e levando-a a amadurecer.

Eu já tinha uma ideia sobre a trama do livro e para qual rumo ele tomava, mas Raiza me surpreendeu de uma forma tão sensacional que terminei o livro querendo abraçar essa mulher até sufoca-la! O livro me fez rir muito, mas também quase me levou as lágrimas. Diante de determinados acontecimentos a autora me fez pensar muito na vida e na forma como e levo.

A trama vai além de um chick lit ou uma simples comédia romântica. Seus personagens me deram um choque de realidade e a forma como a autora concluir a trama me desestruturou de um jeito inexplicável. O livro está disponível apenas em ebook, mas recomendo ele de olhos fechados. Não vejo a hora de ter meu físico na mão! *-*

Minha classificação para este livro é de  6/6 - "Excelente".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.

Caçadora de Estrelas. Varella, Raiza. Amazon. 2016, 544 páginas.

Nenhum comentário:

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela