"O garoto que eu abandonei", de Raiza Varella

sábado, 22 de julho de 2017



Eu estava super ansiosa para ler o terceiro livro da Trilogia Encantados. O casalzinho da vez é o Mala (também conhecido como Gustavo) e a Vaca Biscatona Mor (também conhecida como Camila). Gustavo é o terceiro dos irmãos Bittencourt a se tornar o Príncipe Encantado. Primeiro tivemos Ian, o Príncipe da Barbara em O garoto dos olhos azuis e após, o Augusto em O garoto que tinha asas. Apesar dos nomes com ar fantasiosos a série é, na verdade, uma releitura de contos de fadas escritos maravilhosamente bem pela Raiza, de uma forma totalmente real e atual.

Gustavo está namorando Camila às escondidas porque sabe que as coisas irão ferver quando sua família descobrir. Quando seu segredo vem a tona ele resolve pedir a bruxa em casamento, boa a quem doer! O Mala é tão mala que acha que ama Camila incondicionalmente, mas Babi sabe que ela não é mulher para seu irmão e resolve intervir. Na verdade sua vontade de intervir no relacionamento do irmão não vem só por saber que ela não presta, mas também por odiar a mulher com todas as suas forças desde que ela quis armar contra Babi para acabar com o casamento dela e do marido Ian.

Eis que surge Marcela nessa bagunça toda. Marcela trabalha como detetive particular e é contrata por Barbara para descobrir alguns podres da Camila. Ela sabe que Marcela e Gustavo tiveram um passado, mas não imagina que foi bem doloroso e que trazer a moça para o presente do irmão irá afetar e muito ele.

Marcela perdeu tudo o que já teve na vida e hoje vive se arrastando e descontando tudo no álcool. Apesar de já ter sofrido muito e hoje viver bem solitária, é uma mulher forte e de caráter, que não perde seu bom humor ácido nunca. Camila é completamente o oposto dela: uma patricinha mimada e que acha que tem poder sobre tudo e todos. Uma nojenta, que me tira do sério desde o livro anterior.

O livro tem narrativa em terceira pessoa e intercalada entre alguns personagens, o que a leitura se torna fluida e extremamente deliciosa. A trata tem uma mistura de muito drama, romance e sacadas cômica que ganha o meu coração a cada nova obra que leio dela. Raiza sabe muito bem o que faz e arrasa! Essa mulher abala todas as minhas estruturas e ganhou mais uma vez o meu coração.

A vontade que eu tenho é de pegar toda essa família e abraçar um por um. São uns fofos, uns queridos e simpáticos. Se você ainda não conhece a série, precisa conhecer cada um deles e se apaixonar também!

Minha classificação para esse livro é de ❤ 6/6- "Obra-prima".
Veja a cotação do livro no SKOOB e a opinião de outros leitores.
O garoto que eu abandonei. Varella, Raiza. Independente, 2016, 450 p.

Nenhum comentário:

{Lendo} Dominique

No Facebook:

{Lendo} Daniela